Ford F-150 Rocket League Edition: uma picape de videogame no mundo real

A picape mais vendida do mundo já estrelou vários videogames e ganhou agora uma versão real saída do universo eletrônico

Com bitola mais larga, pneus de 37 polegadas e turbina de foguete na caçamba, ela parece pronta para voar!

A Cinema Vehicles, preparadora de carros para a televisão e filmes, foi a responsável por dar vida ao modelo virtual:

A Ford F-150, picape mais vendida do mundo, já virou estrela de vários videogames, levando o seu legado de força e desempenho para o universo eletrônico. Agora, ela trilhou o caminho inverso: ganhou uma versão real saída do jogo Rocket League – veja aqui. O modelo foi exibido no Salão de Chicago, nos EUA, primeiro evento do setor a contar com a presença do público depois de 18 meses.

Competição radical que combina duas paixões dos gamers – futebol estilo arcade e destruição automotiva –, o game Rocket League ganhou fama também pela qualidade do design gráfico e por ter controles fáceis de manejar.

No desenvolvimento do Rocket League, a equipe de design da Ford F-150 trabalhou em parceria com os designers da produtora Psyonix para que o jogo reproduzisse as características de estilo da Série F. Como, por exemplo, o formato exclusivo do farol em C, os arcos de rodas arredondados e o emblema “F-150” na traseira.

Como itens exclusivos, a F-150 Rocket League Edition traz grafismos na carroceria, pneus de 37 polegadas, aberturas de foguete nas lanternas traseiras, turbina de foguete na caçamba e uma bitola mais larga que a F-150 Raptor.

A Cinema Vehicles, preparadora de carros para a televisão e filmes, foi encarregada de trazer o veículo virtual para o mundo real. Além de carroceria mais curta e larga, a customização incluiu a grade dianteira e as colunas A, com formato mais agressivo. A caçamba abriga um motor de foguete, com iluminação alaranjada que gira rapidamente para simular uma turbina.

“A F-150 real tem as quatro rodas no chão. No jogo, os veículos voam pelo ar e batem em uma bola de futebol gigante, basicamente. Então ela precisava parecer capaz de fazer isso”, diz Adam Riccobelli, designer da Ford.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s