Nintendo é condenada a pagar US$ 30 milhões a ex-funcionário da Sony

nintendo-3ds-patente-seijiro-tomita

A Nintendo foi condenada a pagar uma quantia de US$ 30,2 milhões (mais de R$ 60 milhões) pelo seu portátil Nintendo 3DS infringir a patente do inventor Seijiro Tomita de visualização em 3D sem óculos. A decisão foi tomada por um júri em Manhattan, Nova York, perante o juiz Jed Rakoff, nesta última quarta-feira (13).

Seijiro Tomita tem 58 anos e é um ex-engenheiro da Sony. Ele abriu o processo contra a Nintendo ainda em 2011, alegando que o Nintendo 3DS utilizava de sua tecnologia de 3D sem óculos. Dois anos depois foi garantida a ele a vitória e a indenização.Tomita foi representado no tribunal pelo advogado, Joe Diamante.
O advogado de defesa da Nintendo, Scott Lindvall, tinha como base a afirmação que nenhum dos elementos mais importantes da patente haviam sido utilizados no Nintendo 3DS. A Nintendo chegou a negociar com Tomita em 2003, porém comentou que ele era apenas uma das muitas opções de tecnologia 3D que estavam estudando.
A Nintendo se pronunciou dizendo não acreditar que isso venha a afetar suas vendas nos Estados Unidos.
#EhLaia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s